top of page

Stefanini faz compra na Itália


A Stefanini, uma das maiores integradoras de tecnologia do Brasil. acaba de fechar a compra da italiana Solve.it. Sediada em Turim, no norte da Itália, a Solve.it tem cerca de 200 funcionários, focados no atendimento do mercado italiano. A compra foi revelada pelo Neofeed, que traz uma história interessante sobre como o negócio foi fechado. Segundo o site, Marco Stefanini começou a negociação durante uma pausa em Turim, durante uma viagem de férias para o Japão. Enquanto outros turistas visitam as lojas, Stefanini procura empresas locais para adquirir, por tanto. Ou, numa versão menos folclórica, talvez Stefanini tenha feito a escala em Turim para iniciar a negociação. Quem sabe. De qualquer forma, a Stefanini está acostumada a fazer aquisições. Já foram mais de 30 ao longo da história, muitas delas focadas em internacionalizar o negócio, hoje presente em 41 países, que geram um pouco mais da metade do faturamento. Na Itália, a Stefanini já tinha inclusive 100 funcionários em uma operação própria, atendendo clientes globais. A Solve.it tem uma presença forte em 30 grandes empresas italianas. Em nota, a Stefanini revela que a lista inclui "cinco grandes players globais da indústria automotiva, um dos principais bancos e uma importante indústria cafeeira". Entre os parceiros da Solve.it estão empresas como SAP, ServiceNow, Cornerstone, IBM Maximo, Microsoft e Oracle. A Europa deve gerar um faturamento de 200 milhões de euros para a Stefanini neste ano, aumentando para 260 milhões de euros em 2024, uma alta de 30%. Já a Stefanini como um todo deve faturar pouco mais de R$ 7 bilhões neste ano, num crescimento de 21% em relação ao ano passado.



8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page