Sinqia compra negócio de BPO da Mercer

Gigante de RH vai vender sua operação focada em previdência privada.

A Sinqia vai comprar a área de terceirização de processos de negócios para companhias de previdência privada no Brasil da Mercer, uma gigante multinacional de recursos humanos.


O valor pago será de R$ 35 milhões. A Sinqia está adquirindo softwares e 100 funcionários, atendendo uma base de 50 clientes. O faturamento dessa área da Mercer foi de R$ 32 milhões em 2020.


“Essa aquisição adiciona experiência em um setor altamente específico e regulado e nos permite expandir ainda mais a oferta para as entidades que preferem terceirizar seus processos. Com tecnologia vamos disponibilizar uma experiência melhor para os participantes e uma operação mais eficiente para as entidades”, destaca Bernardo Gomes, CEO da Sinqia.


Essa é a vigésima aquisição da Sinqia desde 2005, quando a empresa ainda se chamava Senior Solution.


A lógica por trás das compras é sempre a mesma: posicionar a Sinqia como líder no segmento e criar oportunidades de cross sell e up sell na base de clientes combinada.

Até agora, a empresa já formou uma oferta com pilares focados em bancos, fundos, previdência e consórcios, além de outsourcing e consultoria.


A maioria das compras é de empresas de software especializadas em diferentes nichos do mercado financeiro, mas a Sinqia também já comprou outras operações de grandes empresas como a Mercer.


No ano passado, a Sinqia adquiriu a Itaú Soluções Previdenciárias, especialista em tecnologia para empresas de previdência complentar do banco, por R$ 82 milhões.

A Sinqia fechou o ano passado com uma receita líquida de R$ 210 milhões, uma alta de 19,9% frente aos resultados de 2019.


Os indicadores positivos também são vistos no EBITDA ajustado de R$ 30,2 milhões, 43% a mais que em 2019.


Dinheiro para seguir comprando a empresa tem: a Sinqia finalizou o ano com R$ 321,1 milhões em caixa.


Publicado em: www.baguete.com.br

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo