RD a caminho? Após valorizar 5 vezes desde IPO, Locaweb prepara terreno para oferta de ações

Avaliada em R$ 12,5 bilhões, companhia é negociada a 21 vezes receita estimada para este ano e vive onda de aquisições




Um movimento discreto anunciado pela Locaweb, uma das mais novas queridinhas da bolsa, está fazendo o mercado levar fé de que a empresa pode sair vitoriosa na disputa pela RD Station, que também é cobiçada pela Totvs. Ou que uma outra transação grande está a caminho. A empresa está deixando tudo pronto para emissões de ações rápidas e grandes.


Questionada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Locaweb não negou o interesse na RD, mas disse que não há nenhuma negociação avançada neste momento. Porém, em um setor no qual paga-se por múltiplos de receita, a companhia segue em valorização quase frenética. Só há uma resposta: o mercado aposta em consolidação.


A empresa, que valia cerca de 10 bilhões de reais na semana passada, já está avaliada em quase 12,5 bilhões de reais — o maior valor de sua história. É negociada a nada menos do que 21 vezes a projeção de receita para 2021. Não por acaso, existe a forte aposta dos investidores em novas captações para aquisições. “Se eu fosse a empresa, faria uma emissão para ontem”, comentou um banqueiro.


Com os ganhos, o negócio que chegou na bolsa, um ano atrás, valendo uma pequena fração da Totvs — 2,6 bilhões de reais na estreia — agora está a 30% de valorização para alcançar uma das mais tradicionais e consolidadas empresas de software do país, avaliada em 16,3 bilhões de reais.


Sem alarde, a Locaweb convocou uma assembleia de acionistas para ficar pronta para acessar o mercado. O encontro foi marcado para próximo dia 26. A companhia, porém, nada fala sobre o assunto. “Não comentamos rumores de mercado”, é a clássica resposta oficial, quando questionada sobre uma potencial oferta de ações ou pela RD.


A proposta aos acionistas é ampliar o capital autorizado de 2 bilhões para 5 bilhões de reais. Isso não é a capitalização em si, mas significa deixá-la pré-autorizada pelos acionistas. Assim, bastaria um aval do conselho para uma emissão ocorrer — algo amplamente aguardado caso a compra da RD tenha sucesso, uma vez que as estimativas de mercado são de que a transação poderia movimentar 1 bilhão de reais. Além disso, a empresa também quer desdobrar suas ações, na proporção de uma para quatro, para que tenham um valor unitário mais baixo. Após saírem no IPO a 17,25 reais, agora valem mais de 98 reais.


“Eu tenho um monte de fundo que está buscando valorização. Se eu falar que não me preocupo com isso, estou desprezando. Eu me preocupo com valorização da ação em valores representativos no médio e longo prazo”, disse Fernando Cirne, presidente da Locaweb, em entrevista exclusiva para EXAME. “Meu chefe é o acionista.”


Desde o IPO, a Locaweb praticamente quintuplicou de valor. Por isso, levantar dinheiro para uma aquisição estaria longe de ser um problema. Ao contrário, tem todo sentido. A companhia viveu um verdadeiro rally no fim do ano. Não apenas pela valorização em bolsa, mas também em atividades. Entre setembro e o fim de dezembro, anunciou nada menos do cinco aquisições, num total de 322 milhões de reais — pouco mais da metade dos 575 milhões de reais captados na oferta inicial de ações. A lista de empresas compradas inclui Vindi, a maior delas, Social Miner, Etus, Ideris e Melhor Envio.


O interesse na RD Station não é por acaso. A companhia é vista como uma das próximas empresas brasileiras que poderá atingir valuation de 1 bilhão de dólares e, desta forma, tornar-se um unicórnio. A empresa, antes chamada de Resultado Digitais, pode ser o braço de marketing digital que a Locaweb precisa para incorporar em sua estratégia de oferecer uma gama completa de serviços virtuais aos seus clientes.


Desde que foi fundada, em 2011, a RD Station já captou 76,2 milhões de dólares com fundos de investimentos como Riverwood Capital, TPG, Redpoint eventures, entre outros. A última injeção de capital, liderada pela Riverwood, foi feita em agosto de 2019 e movimentou 50 milhões de dólares.


Mas tampouco é um negócio tão óbvio. Fontes do setor afirmam que a receita da empresa é de 150 milhões de reais e que o negócio, sozinho, ainda está distante do lucro. O montante de 1 bilhão de reais, portanto, equivaleria a pagar mais de 6 vezes a receita do ano passado. O preço é considerado extremamente salgado para a Totvs, que não costuma fazer aquisições acima de um múltiplo de 3 vezes a receita. O valor é importante até para a Locaweb — a maior compra em termos absolutos foi da Vindi por 180 milhões de reais, até agora. “Aliás, não me lembro de um cheque de 1 bilhão de reais assim em startups no Brasil”, comentou um empresário que acompanha as negociações.


“Eu fiz o IPO e peguei dinheiro para fazer aquisições. Agora é preciso entregar”, disse Cirne pouco antes de a Locaweb realizar suas primeiras aquisições após a abertura de capital. “O IPO não é o fim. É o começo. É uma nova empresa. Tem que buscar aumentar o faturamento.”


A compra da RD Station mais as compras do fim de 2020 poderiam trazer um importante crescimento de receita à Locaweb, da ordem de 50%. De janeiro a setembro, a receita líquida da empresa somou 348 milhões, com incremento de 24%. A expectativa é que no acumulado do ano a receita fique próxima de 500 milhões de reais.


As cinco compras feitas no ano passado agregam uma receita recorrente anual da ordem de 103 milhões de reais à compamhia, de acordo com relatório do BTG Pactual. O analista da instituição, Carlos Sequeira, destacou que a Locaweb tem disparado o melhor desempenho entre os IPOs realizados no ano passado. Ele acredita que a companhia está no caminho certo para o crescimento e vem cumprindo suas promessas com o mercado. Nas projeções do analista, um dos mais experientes do setor em atividade, a Locaweb terá uma receita de 486 milhões de reais no acumulado de 2020 e acima de 600 milhões de reais em 2021.


Quando o analistas divulgou seu relatório, a recomendação era de compra para as ações, que estavam cotadas pouco acima de 74 reais. Agora, o valor em bolsa está quase 10% acima do preço-alvo da empresa em 12 meses, calculado em 90 reais por ação.


Publicado: https://exame.com/


8 visualizações0 comentário