Locaweb compra Bagy, plataforma com foco em Social Commerce


ALocaweb anunciou nesta terça-feira (13) a aquisição da Bagy, plataforma de e-commerce focada em Social Commerce, que permite que qualquer pessoa crie uma loja online, integre nas redes sociais e comece a vender.


Fundada em 2017 em Belo Horizonte (MG), a Bagy é uma plataforma de e-commerce focada em social commerce, com mais de 13,5 mil clientes ativos. Seu objetivo é ajudar PMEs, pessoas físicas e influenciadores a montarem uma loja virtual de forma rápida e simples.


Seguindo o modelo de atuação da companhia em outros processos de M&A, a Locaweb adquire 100% da Bagy. Os sócios Pedro Rabelo, Tiago Amaral e Marcelo Alves, permanecerão na operação e manterão o time de colaboradores. Também juntarão forças com todas as demais unidades de negócios que oferecem soluções para e-commerce da Locaweb.


De acordo com a Locaweb, fazendo o download do aplicativo da Bagy, o usuário consegue montar uma loja em poucos minutos, utilizando o celular para cadastrar os produtos, tirar ou escolher fotos, determinar os valores e integrar com as redes sociais, como Instagram, Facebook e também marketplaces, como o Mercado Livre. Além disso, o app conta com a função de gerenciamento da loja.


Por meio da Bagy o lojista consegue vender seus produtos diretamente pelas principais redes sociais ou pelo site próprio, calcular fretes, escolher opções de pagamentos, integrar com marketplaces, tudo personalizado dentro de um aplicativo, tornando o caminho entre o pequeno lojista e cliente mais simples e curto.


“Há algum tempo tenho acompanhado o poder do Social Commerce como impulsionador das vendas online, em especial na China, que já está mais consolidada nesse mercado. Agora, tenho muito orgulho de anunciar a aquisição da Bagy, essa plataforma que é referência em Social Commerce no Brasil” afirma Fernando Cirne, CEO da Locaweb.


Ainda de acordo com a Locaweb, a Bagy intensificará as iniciativas de social commerce da companhia, segmento que vem apresentando forte crescimento, e pode se encaixar na jornada dos nossos clientes como uma importante ferramenta para captação e conversão de leads para todo o ecossistema da Locaweb.


“Com a Bagy, queremos mostrar para o mercado que montar uma loja e começar a vender online é muito mais fácil do que todos imaginam. Buscamos a melhor e mais amigável solução de plataforma com foco em social commerce do Brasil e vamos oferecê-la para aqueles que sonham em vender online, mas faltava algo para dar o primeiro passo” afirma Willians Marques, diretor geral da Locaweb Commerce, responsável por todas as unidades de soluções para e-commerce da companhia.


Crescimento do Social Commerce

Só na China, o mercado de social commerce movimentou mais de US$ 200 bilhões em 2020 e apresenta grande tendência de crescimento, devendo ultrapassar os US$ 400 bilhões até 2023, segundo o Inside Retailtechs Report. No Brasil, esses números ainda são inferiores, mas com tendência de crescimento nos próximos anos.


“O mercado de Social Commerce no Brasil ainda está só no começo e tem muito para crescer. Quando comparamos com a China e Estados Unidos, concluímos que existe um enorme potencial aqui, ainda mais levando em consideração que os brasileiros são apaixonados por redes sociais e se influenciam muito quando são impactados por algum produto em plataformas como o Instagram e o Facebook, facilitando com isso o processo de compra” afirma Thiago Mazeto, diretor comercial e de sucesso do cliente da Tray.


“Estamos em um mercado que ainda vai crescer muito, mas sabíamos que para dar os próximos passos de forma mais assertiva, precisávamos de um apoio maior, tanto financeiro quanto de pessoas e experiência. A Locaweb chegou no melhor momento e estou certo de que somaremos forças para revolucionar o e-commerce no Brasil” afirma Pedro Rabelo, cofundador e CEO da Bagy.


Publicado em: www.ecommercebrasil.com.br

3 visualizações0 comentário