Especializada em tecnologia do transporte, startup pernambucana Fusion é comprada pela Praxio



A empresa de tecnologia especialista no setor do transporte rodoviário de cargas, passageiros e logística, Praxio, anunciou nesta segunda-feira (7), sua quarta aquisição. Trata-se da empresa pernambucana Fusion DMS, que traz o conceito de Delivery Management System (DMS) - uma ferramenta que realiza a gestão da distribuição de produtos de empresas.


A chamada solução Fusion DMS inclui softwares de gestão de entregas e o acompanhamento das rotas em tempo real. O serviço pode ser usado por empresas que utilizam frota própria para fazer seus produtos chegarem aos distribuidores ou consumidores finais. Além de roteirizar as entregas, ele também monitora o plano de distribuição das mercadorias e disponibiliza um app onde a jornada de trabalho do motorista pode ser controlada a distância.

De acordo com o CEO da Praxio, Valmir Colodrão, a compra da Fusion DMS, somada às aquisições da HiveCloud, Autumn e Avacon ultrapassa a marca de R$ 75 milhões em investimentos. O processo de aquisição foi realizado virtualmente.


Emilio Saad Neto, CEO da Fusion, comenta que o relacionamento prévio entre a Fusion e a Hivecloud proporcionou conforto que o processo fosse realizado virtualmente. “Acompanhamos todo o movimento vivido pela Hivecloud nos últimos anos. Vimos a transparência com que a Praxio lida com todos envolvidos no processo de aquisição, desde os executivos até os colaboradores e isso foi fundamental para a nossa decisão, além do fato de entender que esse investimento da Praxio, realizado durante a pandemia, é sinal de que a empresa acredita muito na evolução do setor e continua investindo para trazer as melhores soluções do mercado aos seus clientes. Esse também é o DNA da Fusion”.


O investimento realizado durante a pandemia da covid-19 é uma aposta no crescimento do setor de cargas e logística. Para o ano que vem, a Praxio pretende se consolidar no setor de tecnologia para o transporte e logística, utilizando novos modelos de negócios como pagamento digital, marketplace de frete e as ofertas de mobilidade como serviço (MaaS). “Com o apoio da Greenbridge estamos suficientemente capitalizados para seguir adquirindo empresas estratégicas para o segmento”, afirma Valmir Colodrão, CEO da empresa.


Fusion

A startup pernambucana é considerada um case de sucesso da relação Porto Digital-CESAR. Ela surgiu da necessidade de uma tecnologia que atendesse às necessidades do transporte logístico. A empresa atua no mercado desde maio de 2014 e possui mais de 400 clientes, distribuídos por todo o Brasil, incluindo oito dos 10 maiores frotistas brasileiros.


O Fusion DMS conta com funcionalidades que vão desde a roteirização e gestão de entregas até a gestão da jornada e produtividade de motoristas. Todo o ciclo de funcionalidades objetiva a eficiência, otimização e redução de custos, podendo gerar até 30% de redução dos gastos operacionais.


Publicado em: jc.ne10.uol.com.br

33 visualizações0 comentário