Compra da Movidesk pode sair por R$ 611 milhões



A Movidesk, uma companhia catarinense que oferece soluções de help desk e service desk como serviço, pode custar até R$ 611 milhões para a Zenvia, companhia gaúcha de plataforma de comunicação e serviços móveis. A aquisição já havia sido anunciada no final do ano passado, mas a Zenvia só abriu detalhes de valores em uma nota confirmado o fechamento oficial do negócio nesta terça-feira, 3/5/22. E os valores são chamativos: R$ 291 milhões à vista e outros R$ 320 milhões a serem pagos em dezembro de 2023, pendente do cumprimento de metas. A Zenvia também abriu informações sobre o tamanho da Movidesk, uma empresa fundada em 2016 que no ano passado teve um aumento de receita de 96% para R$ 33 milhões, com margem bruta de 70% e receitas anuais recorrentes de R$ 46 milhões. A Movidesk conta com mais de 2 mil clientes em todo o Brasil, incluindo Mercado Livre, Hamburg Süd, Unilever, ESPN e Reserva. “Esta transação conclui uma série de aquisições realizadas pela ZENVIA nos últimos 18 meses, incluindo D1 e SenseData, o que nos permitirá consolidar nossa posição como uma plataforma CX SaaS unificada de ponta a ponta. A Movidesk terá um papel fundamental nessa consolidação”, afirma Cassio Bobsin, CEO da Zenvia. A SenseData é uma startup dona de uma plataforma de gestão de customer success e a D1, é uma provedora de “orquestração de jornadas digitais”. A Zenvia fechou o ano passado com uma receita líquida de R$ 612,3 milhões, uma alta de 42,5% frente aos resultados de 2020. A empresa entrou em outro nível em julho do ano passado, ao levantar US$ 200 milhões com a sua abertura de capital na bolsa americana Nasdaq. TABELA Quem ganhou por tabela com a compra da Movidesk foi a gestora de venture capital ABSeed, que fez um aporte na empresa em 2019. Não foi aberto o valor do aporte na época, mas a ABSeed revelou ao Neofeed ter tido um retorno de "mais de 10 vezes" com a venda. O retorno alcançado supera também todo o capital comprometido do primeiro fundo da ABSeed, que colocou R$ 40 milhões em 10 startups. Além da ABSeed, a Redpoint eventures e a WOW Aceleradora, de Porto Alegre, faziam também parte da base de acionistas da Movidesk.


Publicado em: baguete.com.br


13 visualizações0 comentário